terça-feira, maio 22, 2007

Eleições a 15 de Julho


O Bom Senso imperou e o Tribunal Constitucional marcou as Eleições Autárquicas para 15 de Julho, uma das datas, aliás, que aqui considerei como mais prováveis tendo em atenção os ditames legais.


Quem não ficou bem na fotografia foi a Senhora Governadora Civil de Lisboa, que não se livra de ser acusada de enviezamento grosseiro na apreciação que fez do assunto.



E não falo só politicamente, pois os Governadores Civis são nomeados por quem são, mas sim do cumprimento da Lei.

Um comentário:

Zé disse...

Qual quê, "antão" não ficou bem na fotografia a senhora Governadora? Não cumpriu o que o patrão lhe encomendou? Não criou uma certa instabilidade nos possíveis candidatos ou candidatruras sem apoio dos partidos? Os emplastros ficam sempre bem e se for um "puxa-saco"? classe cada vez mais na moda,"antão" é que está tudo bem!!Zombies,bufos, emplastros e "puxa-sacos" são cada vez mais que as moscas, a ver se lhes cai algum bocado ou algumas migalhas,ou assentinho na mesa do Poder.Tal como o recente caso da Dren, sobre a opinião,anedota, de um professor sobre a formação académica do Primeiro-ministro.Não serão mais papista que o papa?Fundamentalismo ou seguidismo.Foi assim no anterior regime.Unanímismo de pensamento, de ideias, de políticas, em prol do bom povo Português:Contenta-te com aquilo que te permitem.E Vivo velho.Olha para baixo e para o lado.Em cima pensam determinam e agem em teu benefício e por ti.
É o Sistema partidocrático em pleno, mascarando a Democracia.
Acorda país, e sê muito mais exigente para aqueles que pretendem estar à frente dos teus destinos,seja numa instituição,numa câmara,num ministério ou num Governo.
Responsabilidade é URGENTE.
São sempre os anteriores os responsáveis.Como é possível deixar chegar a Câmara de Lisboa a uma situação de pré-falência,ou mesmo falência?pela necessidade de efectuar empréstimos para solver situações de tesouraria? Ao que parece é moda também, ou boa prática no ministério da saúde,Hospital de S.João 20.000 segundo uns,40.000 segundo outros de débito de horas extra aos enfermeiros?!!!
Que gestão é esta?!!Não há responsáveis?!!RESPONSABILIDADE E RESPONSABILIZAÇÃO É PRECISO E URGENTE.São os reflexos da Gestão partidocrática dos lugares?
O Rei vai nu,mas vai tudo concertar-se...vem aí o D.Sebatião.Será que ainda virá a tempo?
Ainda bem que houve Bom Senso:CIDADANIA É PRECISO.Ou mais uma vez vai ganhar o maior representante do Povo Português, nas próximas eleições mitigadas para a cãmara de Lisboa, a abstenção.