segunda-feira, agosto 18, 2008

A Medalha da Vanessa

Todos queríamos o OURO! A menina conseguiu a Prata.
E...decerto que a maioria dos portugueses terá ficado com um gosto amargo na boca.

Questão de expectativas e da sua gestão pelo nosso inconsciente.
Com fome de medalhas e de protagonismo o público português transferiu para a pequena\grande Atleta a sua ansiedade, transformando-a em ícone de uma vitória anunciada.
Daí a desilusão com que todos ficámos...
Numas Olímpíadas que - até agora - têm sido para esquecer em termos da participação lusa (mesmo assim ainda faltam os saltadores, a Neide e o Nelson) tínhamos inconscientemente depositado as expectativas todas na Vanessa. E ela fez o que pôde. E o que pôde foi um honrosíssimo segundo lugar.

Um Campeão Olímpico tem de ter a sua pontinha de sorte, para além de estar nos píncaros da forma quando se apresenta à partida. A atleta australiana fez decerto o Triatlo da sua vida e ganhou com inteira justiça, valorizando o segundo lugar da nossa menina.

Parabéns Vanessa e Obrigado! O mundo não acaba aqui!

Um comentário:

Zé disse...

Vamos lá saber porque somos assim?Do oito e do oitenta.
Antes de qualquer participação,colocamos as expectativas muito altas e esquecemo-nos semore, que num palco desta natureza estão os melhores e que há todo um conjunto de circunstâncias que condicionam e de que maneira?!os resultados.( Os treinadores de bancada nunca perdem, "depois do baptizado feito, nunca faltam padrinhos".O João Pinto, é que tinha razão" prognósticos?Só no Fim")
Quem participa, depois dos resultados e dos sacrifícios a que é obrigado para estar presente, é obvio que mais que ninguém quer ganhar, mas não está só e é uma competição(aonde estão só os melhores).Por estas e por outras, os parabéns a todos o Olimpicos e à Vanessa pela brilhante medalha conquistada.Parabéns Vanessa.Ninguém mais do que ela desejaria com certeza,ter conquistado o Ouro....mas que há a fazer? Quando ganha,é Bestial, quando perde é uma Besta.
Parabéns a todos os Olimpicos e se vierem umas medalhitas, será por acréscimo....mas somos mesmo assim, que fazer?