domingo, setembro 28, 2008

Má Gestão e Oportunismo na Crise Financeira

Comentário do nosso Zé:

Só não vê quem não quer....isto era mais que expectável e os sinais foram dados há vários anos...( fim do milénio). Foi a gestão financeira a modos que D.Branca e à Vale e Azevedo...mas ainda a procissão vai no adro e prognósticos só no fim...mas os que vão pagar a factura vão ser os mesmos...disso não tenho qualquer dúvida.... as injecções de moeda vão ter o seus reflexos...mas a ver vamos como se contém os especuladores....será uma roleta russa?

Procurar soluções e causas em crises do passado, quando a estrutura económico-financeira e a interdependência Global da economia Global é o que é parece extemporâneo e demasiado arriscado.

Que se procure minimizar os efeitos reais e os mediáticos não tenho dúvidas. Bom Senso, muito Rigor e responsabilização, porque o pânico acelerará e agudizará a Crise, que em meu entender é muito mais profunda que o que querem os vendedores de promeessas e pretensos opinion makers, fazer crer ( Crise de Valores e referêrencias--já tão badalada) e que os ERROS SIRVAM PARA APRENDEREM.

BOM SENSO E RESPONSABILIDADE PRECISAM-SE.

Só mais um comentário sobre a Gestão de Incentivos: há que ter presente que modelos fechados, não podem ser tratados como modelos abertos. Não é a gestão por objectivos e por incentivos que está em causa é o uso que por vezes dela de faz....

Muitas vezes para quem não sabe fazer até os acréscimos atrapalham...toda e qualquer actividade tem que ter Objectivos, metas e ser incentivada para que os que nela participam se sintam como parte integrante e, numa economia de mercado, ainda não há muito que se tenha inventado para se conseguir competir e realizar com Sucesso....

Mas quanto às formas?!!!...Aí estamos conversados: Contabilidade criativa..."vigarice"...compadrio...juizes em causa própria...promiscuidades...a modos que transparentes...manipulações...

Neste momento creio que moderação e caldos de galinha não farão mal a ninguém....Mas RESPONSABILIDADE E RESPONSABILIZAÇÃO SÂO MAIS QUE NECESSÁRIAS E URGENTES PORQUE CREDIBILIZAR E DAR CONFIANÇA SÃO NECESSÁRIAS E URGENTES( são precisos exemplos e não bodes expiatórios ou branqueamentos), porque creio que ninguém estará imune ( salvo alguns especuladores e branqueadores...).

O Mar bate na rocha mas quem se lixa é o mexilhão. BOM SENSO E TRANSPARÊNCIA... E CORRIGIR OU INVERTER OS ERROS...

Comentário: O problema é que alguns dos principais responsáveis foram "responsabilizados" com mais uns milhõezitos de USD para levarem para casa e adoçar a reforma antecipada, coitados...Desta forma como há-de haver moral para evitar cenas parecidas no futuro??!!

Um comentário:

Zé disse...

Estamos conversados e plenamente de acordo Raul.Ninguém consegue ser juiz em causa própria.
O Keynes e o Marx vão passar a estar na berra.Os grandes defensores do mercado e das privatizações, vão passar a ser interventores e que o Estado deve criar condições para que o mercado funcione, estou mesmo a ver isto e muito mais.Regular vai ser preciso para se evitarem desmandos(virá uma onda reguladora?).É só estar atento e esperar para ver.
Só um desejo, que isto não sirva para se agudizarem as assimetrias sócio-económicas já existentes....porque sem ser agoirento...as expectativas futuras serão Negras e uma crise Social poderá ser uma catástrofe.
BOM SENSO.
A CRISE PODERÁ SER UMA ENORME OPORTUNIDADE.HÀ QUEM TENHA UM FERRARI NA MÃO, MAS SÓ APRENDEU OU SABE A CONDUZIR CARROÇAS.LIDERANÇA PRECISA-SE...mas aonde está?